terça-feira, 19 de setembro de 2017

A Beleza da Máquinas - Exercício Bônus

Ler o capítulo XV, A Beleza das Máquinas em A História da Beleza, Umberto Eco. O texto se encontra na xerox APG, pasta 57 A (ou biblioteca). Responder as perguntas e entregar na forma impressa.

Individual, dupla ou trio.

1.    Desde quando conseguimos apreciar uma máquina?
2.    Quando passamos a desenvolver uma estética das máquinas propriamente dita?  
3.    Qual o primeiro conceito de máquina trazido pelo texto de Eco?
4.    O que são máquinas simples?
5.   O que são máquinas complexas? Qual era a apreensão do homem em relação a essas máquinas?
6.   Existia alguma apreciação destas máquinas quanto ao seu caráter estético? Pelo o que eram apreciadas?
7.  Os gregos mencionavam as máquinas em uso na sua sociedade? Existem representações de máquinas no mundo grego?
8.   E na idade média, existem representações de máquinas?     
9.   Qual o objetivo da representação de máquinas no Livre de Portraiture de Villard de Honnecourt?
10. Por volta do século XV surge uma primeira ideia de valor simbólico associado ao prodígio mecânico. Cite um exemplo desta abordagem simbólica.
11. A máquina renascentista começa a ser apreciada por si mesma. Quais são as formas de apreciação dos mecanismos internos das máquinas?
12. A apreciação da máquina como objeto estético foi progressiva e linear?
13. O que a invenção da máquina a vapor afirma em relação ao conceito de máquina?   
14. Qual o princípio de funcionalidade citado quanto à estética industrial do século XX?  
15.   O que são máquinas celibatárias e qual a relação delas com a arte (ou com as obras de arte)? 

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

G1 Especificações


(em dupla ou individual)

Noções de Modernidade
A dupla de alunos deve produzir uma análise sobre noções que caracterizam a modernidade e suas formas de manifestação em uma determinada vanguarda artística [1]. Em seguida, a dupla deverá estabelecer novas relações entre as mesmas noções e um objeto, um fenômeno ou manifestações artísticas da atualidade [2]. Por fim, a dupla deverá gerar uma conclusão que estabeleça relação entre a vanguarda e o fenômeno contemporâneo salientando diferenças e semelhanças no que diz respeito às noções de modernidade.

Especificações técnicas: relatório impresso; formato A4; PB ou colorido; não existe número mínimo de laudas, linhas ou caracteres.

Apresentação: O grupo deverá produzir uma apresentação projetada (pdf). A apresentação é uma síntese da pesquisa e da análise encaminhada no relatório e tem por intuito o compartilhamento dos assuntos tratados com a turma. Todos os membros do grupo devem participar da apresentação.
Redigir um parágrafo sobre a proposta de trabalho da dupla.
Data de entrega da proposta de trabalho:
A partir de 18 de setembro de 2017

Data da apresentação:
09 e 11 de outubro de 2017
[1] Escolher preferencialmente uma vanguarda artística que tenha tido seu início antes da segunda guerra mundial.

[2] No caso de objetos, escolher algo que seja representativo na contemporaneidade (ex: smartphone) na associação deste objeto com práticas de um determinado grupo.  No caso de fenômenos, da mesma forma, identificar algo que seja socialmente representativo (ex: o surgimento de minorias e suas reivindicações por aceitação social). No caso de manifestações artísticas pode se trabalhar em diferentes segmentos como o teatro, dança, escultura etc. 

quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Estudo dirigido I

A leitura do texto Modernidade e Modernismo (p. 21-44), capítulo 2, do livro Condição Pós-Moderna, Harvey, é essencial para a composição da proposta de G1. Seguem as perguntas sobre o capítulo 2. Tentem desenvolver as respostas além de uma transcrição direta do texto.

1.  Quais as características considerados por Harvey a partir de outros autores que marcam a modernidade?
2.  Segundo Habermas, em que consiste o projeto da modernidade?
3.  Quais os argumentos de Max Weber contra o Projeto Iluminista?
4.  "As mudanças da modernidade e a sensação de fragmentação e efemeridade demandavam uma postura do artista moderno". Na visão de Baudelaire, o que deveria fazer o artista moderno bem-sucedido?
5.  Que aspectos forçaram os produtores culturais a seguir uma forma de competição de mercado que reforçariam  processos de “destruição criativa” no campo estético?
6.  Porque o autor afirma que o “modernismo era uma arte das cidades”?
7.  O pensamento iluminista que tendia ao universalismo julgava ser possível chegar a leis universais mediante o uso da razão. O que ocorre com a fixidez categórica do pensamento iluminista a partir de 1848?
8.  O período do modernismo chamado “heróico” tem uma de suas alas recorrendo à necessidade de estabelecer um mito “eterno”. Que elemento foi utilizado para isto?
9.  A que fatores o autor atribui a absorção do modernismo pelo establishment político após a segunda guerra mundial?
10. Em que contexto surgem os movimentos contraculturais e modernistas dos anos de 1960? Quais são os princípios dos movimentos de contracultura?
11. Quais as noções de modernidade podem ser extraídas deste texto e das discussões em sala de aula?



Redigir as respostas na forma discursiva e entregá-las na forma impressa (ou escrita). No dia da entrega, faremos um debate sobre as questões tratadas no texto. Na ocasião, também conversaremos sobre as noções de modernidade e proposta de G1.

POST 3 A cultura condiciona a visão de mundo do homem

Laraia versa sobre como o homem vê o mundo através de sua cultura.

1. O fato de que o homem vê o mundo através de sua cultura tem como consequência a propensão em considerar o seu modo de vida o mais correto e o mais natural (p. 72). Comente a afirmação com algum exemplo da sociedade moderna.

2. Laraia afirma que cada sociedade se vê, de certa maneira, como centro da humanidade. Contudo, segundo Dussel, o etnocentrismo europeu reveste-se de características particulares: Se se entende que a “Modernidade” da Europa será a operação das possibilidades que se abrem por sua “centralidade” na História Mundial, e a constituição de todas as outras culturas como sua “periferia”, poder-se-á compreender que, ainda que toda cultura seja etnocêntrica, o etnocentrismo europeu moderno é o único que pode pretender identificar-se com a “universalidade-mundialidade”. Comente a afirmação.

Turma da manhã: responder até 30 de agosto de 2017, na área de comentários.
Turma da tarde: responder até 04 de setembro de 2017, na área de comentários.

Texto disponível na APG, pasta 57a.

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

post2 O Perigo de uma única história

A leitura do texto Você tem Cultura?, de Roberto da Matta, trouxe uma primeira forma de se pensar noções de cultura. No vídeo da palestra do TED, O perigo de uma única história, a escritora Chimamanda Adicchie disserta sobre o perigo da construção de uma única versão interpretativa a partir de narrativas que são repetidas múltiplas vezes.

1. Tendo por referência a construção de noções sobre cultura, a exemplo do texto Você tem Cultura?, de que maneira você acha que a fala de Adichie pode colaborar na constituição de uma noção sobre cultura em seu sentido amplo.
2. De que forma(s) a escritora menciona um "olhar estrangeiro" sobre outras culturas ou contextos? Exemplifique.
3. Conforme o discurso de Adichie, as narrativas são poderosos instrumentos na conformação de uma visão de mundo. Na sua opinião, quais narrativas constituem aquilo que chamamos de modernidade?

Responder na área de comentários.
Data limite:  23 de agosto de 2017 (turma da tarde) e  25 de agosto de 2017 (turma da manhã)

Link do vídeo do TED.
https://www.youtube.com/watch?v=wQk17RPuhW8

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Post 1 Você tem Cultura?, da Matta

Acesse o link e leia o texto de Roberto da Matta, Você tem cultura?
http://naui.ufsc.br/files/2010/09/DAMATTA_voce_tem_cultura.pdf 

Responda as questões abaixo:

O autor menciona uma associação comum realizada em relação ao termo cultura que exprime a ideia de sofisticação, de sabedoria, de educação (formal), volume de leituras, controle de informações, a títulos universitários, entre outras noções. Qual é a outra forma de emprego do termo "cultura" veiculada no texto? Cite um breve exemplo relacionada à sua experiência.

Comente “O conceito de cultura, ou, a cultura como conceito, então, permite uma perspectiva mais consciente de nós mesmos”.

Data limite para comentários da turma da tarde: 21 de agosto de 2017.
Data limite para comentários da turma da manhã: 23 de agosto de 2017.